Voltar para notícias
07 de outubro de 2020
Vídeo

Amar é cuidar!

Redação: Rogério Santos

Esse é um daqueles anos…

Este é um daqueles anos que vêm nos ensinando muitas coisas, mas, principalmente, a valorizar: valorizar nossa família, valorizar nossos amigos, valorizar nosso trabalho, valorizar o amanhã e valorizar a esperança! Valorizar hoje para nós, é, recomeçar; é se dar uma chance para o novo, buscar alternativas para superar obstáculos…é se apoiar!

Dar valor é entender que nunca estamos sozinhos em nossas provações: é não se abalar, não desistir, é ser viajante, ser descobridor e claro, reconstruir perdas com solidez e verdade. Preste atenção: este é o momento de saber esperar, saber ouvir e saber calar; momento de não nos preocuparmos com frivolidades e de entender que, todos caminhamos e estaremos juntos…afinal, juntos, somos a nossa melhor solução. Então, vamos remar na mesma direção! Cultivar nossos entes queridos como se rega a uma planta, ser menos egoístas, mais altruístas, mais honestos e comprometidos com a empatia…que possamos ser cúmplices nessa caminhada, até este momento, como peças fortes. Esse é nosso desejo: viva com todo seu coração!

Com todo amor que ele pode ofertar, todo carinho que ele pode traduzir, todo afeto que ele pode acalentar…pois para nós do Grupo Real, este é um daqueles anos que podemos aprender a compartilhar o amor, aprender coisas novas, brincar e rir de doer a barriga com nossos filhos, apoiar novos projetos, comemorar recomeços, ver um pôr-do-sol, pedir ajudar, compartilhar, estender a mão, sorrir…ser um ponto iluminado afinal, este é um daqueles anos que nos faz pensar até em quantos batimentos cardíacos nós temos (só a título de curiosidade, temos 2 bilhões e meio de batimentos em toda nossa trajetória de vida).

Daí a relevância de valorizar, pois é triste saber que cada batida que sentimos é uma a menos que temos para sermos melhor…e nunca se esqueçam: todas as vezes que sentir saudades de momentos bons, todas as vezes que você fizer algo de bom para qualquer pessoa, você está escrevendo uma linda história…e quando tudo se normalizar, você perceberá que não importa quantas vezes seu coração bate por minuto e sim, por quais motivos ele ainda continua a bater.

Viva com todo seu amor. A vida é linda quando estamos juntos!